É tarde demais para iniciar na aviação?

Compartilhe:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Comparado aos alunos que iniciam na aviação, com idades entre 18 – 25. Você, por não pertencer a essa faixa etária, pode achar que está tarde demais para se tornar um piloto, não é?!

A boa notícia é que não tem idade máxima para ser piloto. Logo, é possível mudar de profissão e iniciar a formação aeronáutica, mesmo sendo mais velho.

Por vezes, recebemos no Aeroclube alunos que, por não ter mais a idade da “garotada”, hesitam em iniciar a formação, mesmo tendo condições para isso, como: tempo e capital. Pensando nessa questão, reuniremos neste artigo informações para aqueles que desejam iniciar, e acreditam não ser mais possível.

Sim, ao entrar um pouco mais tarde na aviação, o tempo passa a correr diferente. Agora você já está mais maduro, tem uma profissão estabilizada, já construiu a sua família. Com isso, acredita que essa questão pode ser um impedimento para a sua formação.

Se a sua intenção, na formação aeronáutica, for linha aérea, a depender da idade e da companhia, realmente, as chances são um pouco menores para você.

Pois há uma variação de 32 a 40 anos, como limite de idade; as empresas maiores como GOL e TAM, são mais exigentes quanto a isso. 

Mas, não fique desanimado, há outros caminhos. Então, para quem leva a paixão pela aviação e deseja se tornar um piloto, a idade não é um impedimento.

Oportunidades na aviação

Aviação executiva e táxi aéreo, por exemplo, dificilmente possuem limites de idade.

Para atuar em um desses segmentos, o caminho de formação será a partir desses cursos: Piloto Privado Avião e Piloto Comercial Avião.

O curso de Piloto Privado é o primeiro passo para quem deseja se tornar um piloto de avião. O aluno estará apto a pilotar aviões monomotores em condições visuais, e só poderá fazer voos de caráter privado ou desportivo, portanto, não poderá exercer atividade remunerada. Por ser a primeira etapa, não é necessária nenhuma experiência prévia com pilotagens de aviões.

Para iniciar as aulas práticas do curso de Piloto Privado Avião (PPA), o aluno se submeterá a uma prova teórica da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) e precisará, também, obter o CMA de 2ª Classe. Caso seja aprovado, estará apto a iniciar o treinamento prático.

Terminado o PPA, a próxima etapa será fazer o curso de Piloto Comercial Avião, e assim, se profissionalizar como piloto. Para iniciar este curso, o caminho até as aulas práticas será o mesmo feito no Piloto Privado, com a diferença de ser necessário o CMA de 1ª Classe.

No curso de Piloto Comercial, o aluno irá aprender a pilotar diversas aeronaves com qualificação e proficiência, seja o voo visual ou por instrumentos.

Após concluído, você terá a opção de realizar o treinamento para Instrutor de Voo, sendo mais uma oportunidade na aviação, e é uma forma de acumular experiência para a sua carreira.

Com isso, podemos ver que a idade não é impedimento para ser iniciado a formação aeronáutica.

Quer iniciar a sua formação como piloto? Conheça o Aeroclube de Juiz de Fora e fale com com um de nossos especialistas.

Compartilhe:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Talvez, você também goste:
Busca por tags:

Deixe um comentário

Categorias

 

Posts em destaque

Como me tornar um piloto profissional?

Arquivo do blog

 

Galeria de fotos

aerobuero
aeroclube
Aeroclube_Aviões (171)
aeroclube_slider_7
aeroclube_81